como organizar seu dinheiro na crise

Como organizar o seu dinheiro na crise

Chegamos na metade de abril e parece que 2020 já durou alguns anos. Infelizmente passamos por tantas reviravoltas que está sendo um desafio dizer o que vai acontecer pela frente. O que já podemos pensar é como cuidar do nosso dinheiro para se preparar para o momento que está por vir.

Crises como essas vêm e vão, e se preparar para o futuro é a melhor forma de evitar problemas, por isso, vou te dar algumas dicas de como organizar o seu dinheiro nessa crise.

Claro, tudo vai depender do que você já fez até este momento. Alguns terão uma certa tranquilidade se já tiver dinheiro guardado, enquanto outros terão que mudar estilo de vida. Mas fazendo tudo direitinho não há porque ter pânico!

Como organizar o dinheiro na crise

 

1 – Corte gastos para organizar o seu dinheiro

Entenda a sua situação atual!

Eu sei que é difícil ficar em casa quando somos obrigadas à isso. Mas pense em quadros gerais de crise, você realmente precisa de 3, 4 ou 5 assinaturas diferentes? Você está usando tudo que paga todos os meses? E aquela conta de celular, dá para reduzir?

Às vezes você pode estar assinando um serviço só por conta de uma série que você assistiu. É o momento de entender que saber como organizar o dinheiro na crise é também avaliar as despesas que são essenciais para você.

Comece listando quais despesas são essenciais em ordem de prioridade. As que ficarem por último são aquelas que podem ser reduzidas ou cortadas. Sugiro baixar o Ebook Categorias de Orçamento Pessoal para te ajudar nessa tarefa.

Tente ocupar seu tempo com coisas mais produtivas e que te fazem bem. Você pode economizar dinheiro e comer mais saudável, por exemplo.

2 – Entenda que é preciso mudar

Infelizmente muitas pessoas irão perder o emprego, isso é fato. Os EUA já bateram record em pedidos de seguro desemprego, é algo que assusta. Isso é comum de qualquer crise, se falta dinheiro no mercado, falta dinheiro para pagar funcionários principalmente porque a maioria não se prepara para períodos como este.

E se falta dinheiro para funcionários, provavelmente falta dinheiro para tocar o empreendimento. Então seja você um empreendedor ou um funcionário, há riscos que você irá correr.

Alguns estão pensando “quando isso vai acabar?” ou “quando vamos voltar ao normal?”.

A verdade é que não vai acabar e sim recomeçar. E não vamos voltar ao normal, as coisas vão mudar (e que bom que mudem!). Um período de crise mexe com todas as estruturas. Pense o que pode ser feito no seu trabalho, você pode transformar parte do seu trabalho para ser online e digital? O que você pode fazer para sair melhor desse momento? Na crise, CRIE.

organize o seu dinheiro

3 – Comece a pensar em construir a sua reserva de emergência

Sempre estou martelando na sua cabeça que reserva de emergência é algo que precisa ser feito (quem é aluna do Curso do Caderno Financeiro sabe disso!). Agora é o momento ideal para perceber o quanto ela é importante. Se o seu salário reduziu ou você deixou de faturar por ser autônoma, sei que deve estar doendo no seu bolso.

Eu entendo, não deve estar sendo fácil, e é por isso que é o momento de você pensar em como pode construir a sua reserva de emergência aos poucos, mesmo que um valor pequeno todos os meses. Pense quanto você precisaria para manter o estilo de vida que você tem, quanto você gasta ao mês? Sugiro fazer o planejamento financeiro e tem muito material gratuito para isso.

Você pode usar a técnica que gosto: pague-se primeiro. Todo início do mês você separa um valor do seu salário e transfere para uma conta que não se misture com sua conta corrente.

Procure também bancos digitais como o Inter e faça com que seu salário seja enviado para lá. Isto é fácil e não se cobra taxa nenhuma. Aliás, é uma ótima ideia migrar para bancos digitais, já que eles não possuem tarifas e têm as mesmas funções que esses bancões por aí.

Pague dívidas que sejam essenciais para sua sobrevivência ou sobrevivência dos seus negócios. Como por exemplo o financiamento do seu carro ou casa e fornecedores.

Para saber mais, dê uma olhada no guia sobre como criar uma reserva de emergência clicando aqui.

4 – Faça uma renda extra

A crise sempre mostra um lado do mercado a ser explorado. Muitas vezes um item necessário começa a ficar indisponível, mas pode ser facilmente fabricado em casa e vendido na rua ou entre os amigos. Um exemplo da crise atual são as máscaras, que embora fáceis de fazer trazem uma excelente margem de lucro.

É possível trabalhar de casa, veja o Ebook 27 ideias para ganhar dinheiro SEM investir 1 REAL. Alguma dessas ideias você já pode colocar em prática.

Talvez essa seja a sua saída para terminar sua reserva de emergência e acabar com as suas dívidas. Saber como organizar seu dinheiro na crise é mais do que evitar perder, e sim continuar ganhando.

5 – Entenda o seu consumo

Essa crise em específico está nos obrigando à comprar apenas produtos essenciais de supermercado e farmácia. Você já parou para pensar como era o seu consumo antes dessa crise? Ele era consciente ou você comprava por impulso? E neste momento, o que você está sentindo falta de ter em casa?

As propagandas sabem que o consumo é emocional, e por isso vendem com a promessa de que “você vai se sentir melhor”.

É muito comum buscarmos suprir uma falta através do consumo, é uma forma de compensação. Neste momento em que somos obrigados à olhar para dentro, reflita também sobre o seu consumo e o que você já tem. Olhe para as suas coisas, o seu armário de roupas e avalie se tudo é útil e necessário.

Esse momento vai ser importante, quando você puder sair de casa novamente e poder consumir como antes vai refletir muito mais de como está gastando o seu dinheiro.

Mas e aí, gostou das ideias?

Um grande beijo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *